A Ghost Story ★★★★★

A Ghost Story tem uma aparência de filme de suspense, daqueles que querem nos assustar com a figura pitoresca de um fantasma de lençol. Porém, a verdade é que ele é assustadoramente triste sobre a perda de um grande amor. E tem outro porém. Seguimos o ponto de vista não do personagem que ficou, mas daquele que partiu. E segue sendo dolorido. C (Casey Affleck) e M (Rooney Mara) vivem isolados em uma área afastada da urbanização e quando estão prestes a se mudarem, C morre tragicamente em um acidente de carro a poucos metros de casa. Se para M perder brutalmente o amado foi um choque, para C se torna uma experiência frustante ver a companheira sofrendo. Digo isso, pois ele continua presente naquela casa como um fantasma, na sua mais inocente e inexpressiva figura. O personagem observa M tentando superar o luto ao mesmo tempo que ela se prepara para ir embora daquela casa e seguir em frente.

Para quem gosta de filmes contemplativos e pacientes, A Ghost Story é uma rica de experiência de tempo, vamos dizer assim. Com poucos diálogos, mas suficientes para nos fazer montar o quebra-cabeça, e muitos planos longos que nos remete a momentos de observação, quase como um reality show, o filme dirigido e roteirizado por David Lowerly é um exercício mental e espiritual da nossa presença na Terra. É difícil entrar em detalhes com este longa pois vai parecer que vou entregar tudo o que ele oferece, mas a verdade é que poucos filmes conseguem provocar tantas reflexões sobre o quanto estamos ocupando os espaços de outras histórias que existiram neste exato lugar onde você está agora. E mais. Nos faz perceber o quanto tentamos deixar a nossa marca enquanto vivemos para nunca sair da memória daqueles que ou abandonamos, largamos, deixamos ou simplesmente, terminamos um vínculo. E tudo isso um simples lençol consegue transmitir durante toda a projeção.

Para reforçar o clima nostálgico, a direção de fotografia de Andrew Droz Palermo traz o formato clássico de 4:3, como se fosse uma moldura a lá instagram, o que nos dá a sensação que estamos assistindo fotografias de famílias e pessoas aleatórias que passaram por aquela lugar. Lowerly também assume a edição e novamente, ele arrasa em mais uma categoria. Devido ao item principal do filme que é a passagem de tempo para o fantasma de C, que observa tudo transcorrer de forma rápida e lenta enquanto ainda vaga por aquela casa. Se para nós, o momento parece seguir sua forma natural, a figura do fantasma expressa o quanto ainda espera pela volta da sua amada. Rooney Mara continua sendo uma das mais talentosas atrizes da mais recente safra de Hollywood. Se M parece levar uma vida estável, mas ao mesmo tempo se sente inquieta com a sua constante necessidade de mudanças, ela também imprime uma tristeza raivosa ao devorar uma torta para preencher o vazio daquele momento de perda. Apesar de triste, a cena em que está sentada no chão da cozinha é uma das mais bonitas, onde é possível enxergar as suas lágrimas no reflexo da luz. Outra bela composição de Palermo. Já Casey Affleck parece ter se especializado em papéis com carga dramática. Depois de Manchester À Beira-Mar, aqui ele está mais leve e saudável, mas igualmente desleixado, mas num bom sentido. Posso dar um crédito a mais também com a sua atuação como fantasma, já que conseguiu nos fazer sentir a sua dor.

A Ghost Story é, de longe, um dos melhores filmes de 2017, que nos traz uma história sensível, reflexiva, dolorosa e melancólica. É sobre ter aquela falsa esperança de que alguém que amamos muito vai voltar. É sobre a história que deixamos gravadas no espaço por onde passamos. É sobre ter as respostas que esperamos por uma vida toda. É sobre descobrir se isso vai nos libertar ou não.

A Ghost Story (2017) | Direção e Roteiro: David Lowerly | Elenco: Casey Affleck, Rooney Mara, Kesha, Will Oldhm, Brea Grant, Kenneisha Thompson, Grover Coulson | Gênero: Drama | Nacionalidade: Austrália | Duração: 1h32min

 

Comente

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s